Capitao Capitao

Concerto de Capitão Capitão nas Festas do Mar 2017 - Cascais - 19 de Agosto de 2017

"Capitão Capitão é o pseudónimo musical de J.P. Mendes.
Depois de se estrear com um EP, onde se incluía o tema “O Lugar” (Novos Talentos FNAC 2012), seguido de “II”, segundo EP produzido e gravado por Bernardo Barata (Diabo na Cruz) e José de Castro, este duplo capitão lançou a dia 28 de Outubro pela Blitz Records (parceria entre a Blitz e a Sony Music) o primeiro disco de longa duração, “32”.

A capa serve de mote para o título do disco. Retirada de um quadro de Bernardo Simões Correia, a imagem é o resultado da justaposição de dois retratos fotográficos de duas gerações separadas num espaço de 32 anos. Pai e filho. Se há uma razão para tudo, “Sessenta & Quatro”, tema póstumo de um alinhamento de dez canções, serviu de single de apresentação para este disco. Como quem fala com pouco para tentar dizer tudo, a repetição continua a dominar a palavra. Em termos sonoros abre-se um espaço mais rigoroso para os teclados enquanto as guitarras seguem um espaço já trilhado no segundo EP.

“32” foi co-produzido por J.P. Mendes em parceria com João Gil (Vitorino Voador/Diabo na Cruz/You Can’t Win, Charlie Brown). Sendo J.P. Mendes responsável pelas composições e interpretações dos temas, este disco conta ainda com a participação de António Vasconcelos Dias (Tape Junk/Benjamim/Golden Slumbers) na bateria, de Salvador Carvalho (Trêsporcento) e Luís Nunes (Benjamim) nos baixos e João Gil nos teclados e baixos. A mistura e a masterização foram conduzidas por Luís Nunes".

Fotos By Luis Macedo
Google+